domingo, 20 de fevereiro de 2011

Relíquia


Semana passada ganhei um presente que já fazia muito tempo que vinha namorando.
Este baú, que na época da minha avó (90 anos), chamavam de caixa, foi presente da sogra da minha avó pra sua primeira filha, tia Maria (primeira de 10 filhos).
Antes da sogra da minha avó morrer, disse: A caixa vai ficar com a Maria.
Tia maria herdou a caixa quando ainda era adolescente.
Eu, que sou apaixonada por velharia, sempre namorei essa peça. Sabia que não tinha muita chance de ganhá-la, mas sempre deixei bem claro de que tinha interesse no móvel.
Eis que, na semana passada, Tia Maria, que é minha madrinha de crisma, me ligou e disse que se eu quisesse a caixa, era só ir buscar. Fiquei muito, muito feliz! Esta relíquia, que pelos nossos cálculos tem mais de 180 anos, está decorando minha sala e nunca mais sairá daqui.






5 comentários:

  1. Solange, que baú lindo! Adoro essas relíquias!!! Que maravilha ganahar uma peça que desejamos muito, não é?
    Sobre a mesa de sinuca, rs, eu ri muito...a festinha vai ser na minha sala...não daria de jeito nenhum,rs! Mas que ia ficar bem "maneiro", isso ia!
    Beijos!

    ResponderExcluir
  2. Deve ser de "madeira que cupim não roi", como se dizia. Lógico que foi um presente e tanto para quem entende, né? Semana passada achei um livro de 1ª comunhão de minha tia Maisa(tia queridíssima, de 92 anos)com dedicatoria para ela, datada de 24/12/1932. Imagina o valor?
    Sim anotei a receita. Obrigada. Vou fazer. E mostro.

    ResponderExcluir
  3. ADORO ESTE MÓVEIS DE AVÓS,SÃO LINDOS E TRÁS COM ELE MUITAS ESTÓRIAS....CUIDA BEM DELE MESMO É UMA RELIQUIA DE FAMÍLIA

    BJS...

    ResponderExcluir
  4. Oi, amiga,
    vim desejar um ótimo feriadão de Carnaval!
    Beijos!

    ResponderExcluir